A dieta líquida é boa ou ruim para o organismo?

A dieta líquida ajuda a perder peso rapidamente, combate a diabetes, o colesterol e as dores no joelho. Mas, há quem diga que a dieta é ruim para o organismo.

A dieta líquida consiste basicamente na substituição de refeições com alimentos sólidos por refeições com alimentos já preparados e triturados, geralmente batidos em liquidificadores ou processadores, tais como sucos, vitaminas e milk shakes, com todos os nutrientes que o corpo necessita.

Na primeira semana da dieta líquida é normal sentir fome já que a quantidade de calorias ingeridas é bem menor e a mastigação responsável por informar o cérebro que o corpo está satisfeito não é feita durante a dieta.

A dieta tem duração de 3 meses e proporciona uma perda de peso bastante rápida. Geralmente a pessoa que se submete à dieta líquida consegue perder de 15 a 30 quilos. É bom lembrar que essa dieta nunca deve ser feita sem orientação médica.

dieta líquia é boa ou ruim

Prós e contras da dieta líquida

A maioria esmagadora dos nutricionistas não defende a dieta de líquidos, isso porque os profissionais entendem que a perda de peso deve ser devagar para não prejudicar o organismo, ao passo que a pessoa não aprende a se alimentar corretamente, podendo engordar novamente.

Muitas pessoas que fizeram a dieta voltaram a engordar, mas a dieta é benéfica para reverter a diabetes do tipo 2 e combater a obesidade, eliminando dores no joelho causadas pelo sobrepeso e evitando a cirurgia de redução de estômago.

A dieta tem o apoio do governo escocês

Um estudo realizado pela Universidade de Gasglow com o apoio do governo escocês pode incentivar profissionais da área a ver a dieta líquida como uma boa solução para determinados casos.

Leia também:

Segundo notícia publicada no Daily Mail, 90 voluntários que participaram do programa apoiado pelo governo, passaram a ingerir uma dieta líquida de 800 calorias por dia pelo período de três meses. No fim dos três meses, 30% dos participantes perderam 15 a 20 quilos e conseguiram manter o peso durante um ano. Além disso, as pessoas que eram diabéticas diminuíram a dosagem de insulina.

Agora o governo escocês quer implantar a dieta líquida na saúde pública. A medida poderá diminuir os gastos com tratamentos para diabéticos e obesos.

Na Dinamarca a dieta líquida será usada para combater a osteoartite, doença causada pelo sobrepeso nos joelhos. A medida foi tomada após um estudo com 175 pessoas que apresentavam a doença e tiveram melhora após a dieta.

Os voluntários desse estudo, além da dieta líquida para combater o peso causador da dor no joelho, também ingeriram aminoácidos, vitaminas e minerais que ajudam na reconstrução dos ossos.

Você pode gostar...