Dormir pouco pode causar obesidade e AVC.

Sintomas como cansaço, dificuldade de se concentrar, lentidão, vontade de dormir e irritabilidade podem ser causados por noites mal dormidas.

Inúmeras pesquisas e estudos já comprovaram que um adulto precisa de sete a nove horas de sono por noite. Mas, com a vida corrida, muitos não conseguem ter uma boa noite de sono seja por insônia ou falta de tempo.

No entanto, noites mal dormidas podem causar problemas a saúde como doenças cardíacas, obesidade e outras mais graves como AVC.

Doenças provocadas

Conheçam algumas doenças que podem ser provocadas quando a pessoa dorme muito pouco de forma rotineira e contínua:

AVC: a falta de sono pode aumentar o risco de derrames, e o risco aumenta em quatro vezes para adultos que dormem menos de seis horas por noite.

Obesidade: o fato de dormir pouco aumenta a vontade de comer alimentos gordurosos. Isso ocorre porque a falta de sono altera a produção de hormônios responsáveis pelo equilíbrio do apetite.

Diabetes: mesmo com dieta restrita a falta de sono aumenta o nível de glicose no sangue, pois o simples fato de dormir pouco aumenta a resistência de células responsáveis pelo controle da insulina.

Falta de memória: após uma noite mal dormida é normal ficar esquecido e sem foco, mas ficar sem dormir em dias consecutivos pode causar danos severos e irreversíveis no cérebro.

dormir pouco pode causar obesidade

Osteoporose: a falta de uma noite de sono impede a recuperação natural dos danos aos ossos. Uma pesquisa feita com ratos mostrou que noites mal dormidas contribuem para o aumento do risco de adquirir osteoporose.

Câncer: o desenvolvimento de câncer nas mamas e em outras partes do corpo pode ser gerado pela falta de sono, e dormir mais de sete horas ao dia diminui o risco de ter a doença.

Você pode gostar...