Emagrecer com um programa de reeducação alimentar.

Reeducação alimentar.

Já está mais do que comprovado por diversos estudos e pesquisas, que a melhor forma de emagrecer com saúde e para sempre, sem correr o risco de voltar a engordar e sem entrar no perigoso círculo vicioso do efeito sanfona, é com um programa de reeducação alimentar.

Iniciar o programa.

Na prática, iniciar um programa de reeducação alimentar consiste basicamente em introduzir no cardápio diário, uma alimentação mais saudável, equilibrada, balanceada e em quantidades certas.

O que comer.

A dieta deve priorizar alimentos como verduras, legumes, hortaliças, frutas, e carnes sem gorduras e peles, pães integrais, dentre outros. São alimentos que contêm todos os nutrientes essenciais que o organismo precisa para o bom funcionamento, como fibras, carboidratos, vitaminas e sais minerais.

programa de reeducação alimentar

O que excluir do cardápio.

Ao mesmo tempo, o programa de reeducação alimentar deve procurar excluir do cardápio ou pelo menos moderar muito o consumo de comidas gordas (feijoada, frituras em geral, caldo de mocotó, buchada de bode, por exemplo), bolos, biscoitos recheados, refrigerantes e comidas industrializadas.

A pessoa que resolve levar adiante um programa de reeducação alimentar, se precisar sair um pouco da dieta em virtude da grande tentação das saborosas comidas gordurosas e doces, deve fazê-lo apenas uma vez por semana.

Se a pessoa cair no erro de comer diariamente alimentos muito doces ou que sejam muito gordurosos, mesmo que coma em pequenas quantidades, ao final de alguns meses, terá depositado na cintura alguns quilos a mais de gordura. E como todos nós sabemos, perder esses quilinhos de gordura abdominal armazenados é muito mais difícil do que ganhá-los.

Alimentação equilibrada.

A grande vantagem e principal característica de um programa de reeducação alimentar é exatamente o equilíbrio da alimentação. Com a implantação na rotina diária de um cardápio com uma alimentação equilibrada, nem a pessoa passará fome, nem comerá mais do que o necessário para o organismo. O equilíbrio da alimentação também não deixará o organismo desfalcado de nutrientes essenciais ao seu funcionamento.

Cuidados com dietas muito restritivas.

A pessoa que não adere a um programa de reeducação alimentar, mas, sim, resolve seguir dietas extremamente restritivas e malucas, com o intuito de perder muito peso num período de tempo muito curto, está fadada ao fracasso.

E esse fracasso ocorrerá por um fator muito simples: as carências nutricionais do organismo. Depois de algum tempo seguindo a dieta restritiva, as necessidades básicas do organismo “falarão mais alto” e a pessoa voltará a comer normalmente, recuperando todo o peso, algumas vezes, até mais do que o peso que foi inicialmente perdido.

As dietas muito restritivas não habituam a pessoa a comer de forma saudável, favorecendo o efeito sanfona, que se caracteriza pela perda e recuperação do peso repetidas vezes e, segundo especialistas, não é nada benéfico ao organismo, podendo trazer sérios riscos à saúde do indivíduo.

emagrecer com programa de reeducação alimentar

Mudança de hábitos.

A pessoa que adere a um programa de reeducação alimentar deve estar disposta a fazer algumas pequenas mudanças de hábitos e atitudes, mas que podem fazer toda a diferença para que seu objetivo seja alcançado, como por exemplo:

  • Quando for ao supermercado, esqueça a parte dos doces e dos alimentos gordurosos e industrializados, procurando sempre o setor onde estão as frutas, legumes e hortaliças;
  • Escolha um esporte que goste e comece a fazer. Pode ser uma caminhada com amigos, uma corrida leve, pedalar ou fazer a matrícula na aula de natação. O importante é fazer todos os dias ou pelo menos três vezes por semana. Comece devagar até fazer da atividade física um hábito prazeroso.
  • Beber muita água. Quando a pessoa bebe bastante, faz a água circular pelo organismo, limpando os órgãos e fazendo uma verdadeira faxina interna, além de hidratar e promover o equilíbrio hídrico do corpo.
  • Para ficar mais fácil resistir às tentações de uma festa, como os doces e salgados, antes de sair de casa, procure preencher o estômago com alguma comida saudável, como um iogurte natural ou um prato de sopa raso. A sensação de saciedade que isso vai proporcionar será de grande ajuda nessas horas, evitando que você enfie os pés pelas mãos quando avistar uma mesa repleta de guloseimas.

Leia também:

Comer de tudo em pouca quantidade e com qualidade.

Vale lembrar que emagrecer com um programa de reeducação alimentar devidamente orientado não proíbe a pessoa de comer nada. O objetivo do programa deve ser o do indivíduo criar o hábito de comer de tudo, porém, na quantidade certa.

Não dispense orientação especializada.

Lembre-se que antes iniciar um programa de reeducação alimentar, o melhor caminho é procurar o médico e o nutricionista. Estes dois profissionais possibilitarão que o seu processo de emagrecimento tenha sucesso de forma segura e com muita saúde.

mais dicas de saúde...