Plantas para emagrecer: as 6 mais indicadas.

Plantas para emagrecer.

Plantas para emagrecer existem muitas, mas, as plantas medicinais mais festejadas quando o assunto é a perda de peso são o guaraná, o chá verde, a garcínia, a erva-mate, o feijão branco e a alcachofra. Vamos saber um pouco mais sobre cada uma delas.

Plantas para emagrecer: Top 6.

01. Guaraná.

A paullinia cupana, também conhecida por guaraná, é um cipó nativo da Amazônia. O guaraná é encontrado no Peru, Colômbia, Venezuela e no Brasil, onde é cultivado principalmente nos estados do Amazonas e Bahia.

O guaraná é uma das plantas para emagrecer mais eficientes, pois tem grande concentração de cafeína, substância com a propriedade de acelerar o metabolismo, auxiliando na perda de gordura e, claro, no emagrecimento.

A forma mais usual de consumir a planta é adicionar uma colher de sopa de guaraná em pó em chás ou sucos. O consumo diário não deve ser superior a duas colheres de sopa.

O guaraná não deve ser consumido no período da noite, pois, por ter propriedades estimulantes, costuma levar o usuário a ter insônia.

02. Chá verde.

plantas para emagrecer

O chá verde é obtido a partir da infusão da planta Camellia sinensis. O chá verde é obtido das folhas da planta que ainda não sofreram muita oxidação durante o processamento.

Da mesma forma que o guaraná, o chá verde tem uma alta concentração de cafeína, ajudando a aumentar o metabolismo e proporcionando uma queima acentuada de gordura, o que irá auxiliar na redução da massa gorda, afinando a cintura abdominal.

Por todos os benefícios que oferece para a redução do peso, não é à toa que o chá verde é muito procurado, sendo uma verdadeira estrela entre as plantas para emagrecer.

A receita para fazer o chá verde é algo muito simples. Para tanto, basta colocar uma colher de chá verde (ou um sachê) em uma xícara ou copo de água fervente e deixar em infusão por aproximadamente dez minutos. Depois é só coar e apreciar a bebida.

Para apresentar bons resultados relativos ao emagrecimento, a pessoa deve consumir no intervalo entre as refeições, de quatro a cinco xícaras do chá verde diariamente, durante um período de três meses.

A bebida não precisa ser adoçada, mas, se achar necessário, utilize algumas gotinhas de adoçante de boa qualidade ou indicado por nutricionista.

03. Garcinia cambogia.

A garcinia cambogia é uma planta oriunda das florestas do Camboja, Polinésia e Sul da África, mas, muito comum em alguns países como a Tailândia, Cingapura e Vietnã. A planta também é conhecida como goraka e malabar tamarindo.

A garcínia tem componentes que atuam reduzindo a absorção de carboidratos e acelerando a queima de gordura. Também age como moderador de apetite.

Reconhecida como uma das melhores plantas para emagrecer, a garcínia cambogia também é indicada para prevenir e combater diversos outros males do corpo como úlceras, reumatismo, disenteria e constipação.

A planta tem propriedades diuréticas e também é muito rica em fibras. A forma mais comum de consumo da planta é tomar uma cápsula três vezes ao dia, sempre uma hora antes das refeições principais. O produto pode ser facilmente encontrado em lojas especializadas, farmácias de produtos naturais ou pela internet.

04. Erva-mate.

plantas para emagrecer erva-mate

A erva-mate, ou Ilex paraguariensis, também é conhecida como mate ou congonha. Entre as plantas para emagrecer mais conhecidas, a erva-mate se destaca, não só em relação ao emagrecimento, mas também pelas inúmeras vantagens que proporciona à saúde.

Estudos já comprovaram que a planta tem muitas vitaminas como a C e D, além daquelas do complexo B. Também é rica em cálcio e manganês.

A planta tem componentes que combatem os radicais livres, reumatismo e auxiliam na digestão. Também conta com propriedades antioxidantes e diuréticas.

O consumo da erva-mate favorece a queima de gordura, uma vez que reduz a absorção de gorduras dos alimentos ingeridos, o que auxilia no emagrecimento corporal.

Fazer o chá mate é muito simples. Para isso, basta pegar uma xícara ou copo de água fervente, adicionar uma colher da erva mate (ou um sachê da planta) e deixar em infusão por aproximadamente dez minutos. Depois, é só coar e beber. Não é preciso adoçar.

Para obter bons resultados relativos ao emagrecimento, o consumo da erva-mate deve ser de 4 a 5 xícaras de chá mate por dia, durante o período de três meses.

Leia também:

05. Feijão branco.

O feijão branco diminui a absorção de carboidratos, diminuindo a absorção de calorias ingeridas e ajudando a emagrecer. Também aumenta a saciedade, ajuda no controle da glicemia, fortalece o sistema imunológico, facilita o trânsito intestinal e ajuda na redução do colesterol ruim.

Para obter melhores resultados na perda de peso, durante quarenta dias, a pessoa deve misturar uma colher de farinha de feijão branco em um pouco de água e beber meia hora antes das principais refeições. A farinha também pode ser polvilhada sobre saladas ou sopas.

A farinha de feijão branco também pode ser adquirida em cápsulas nas lojas de produtos naturais ou em farmácias de manipulação.

Mas, se não quiser comprar a farinha de feijão branco e preferir fazer em casa mesmo, a receita é muito fácil. Vamos conferir:

Primeiro passo – Lave duzentos gramas de feijão branco e deixe secar bem. Depois, coloque no copo do liquidificador e bata bem até virar uma farinha, literalmente.

Segundo passo – Em seguida, acondicione a farinha em um pote com tampa e conserve em lugar fresco e seco. Evite fazer uma quantidade de farinha muito grande, para que não fique velha e perca parte das suas propriedades nutricionais.

06. Alcachofra.

plantas para emagrecer alcachofra

Estudos e pesquisas sustentam que a alcachofra é uma das plantas para emagrecer que realmente funcionam, proporcionando saciedade, acelerando o mebatobismo e ajudando a queimar gorduras.

Mesmo sendo um alimento pouco consumido no nosso país, a planta é uma boa alternativa para aquelas pessoas que estão acima do peso e precisam emagrecer.

Além do emagrecimento, a alcachofra traz outros benefícios para o organismo como a redução do colesterol ruim e controle dos níveis de açúcar no sangue.

A planta pode ser consumida cozida ou ainda em forma de chá, com a infusão das folhas frescas.

Vale lembrar…

Contudo, é bom lembrar que apenas consumir plantas para emagrecer não vai fazer milagres, pois isto não é suficiente para uma perda de peso significativa. É importante que o consumo de plantas medicinais seja aliado a uma dieta com baixo teor calórico, além da prática regular de atividades físicas.

Você pode gostar...