Treinar com música ajuda ou atrapalha o desempenho do atleta?

Treinar com música.

Inicialmente, podemos responder se é vantagem ou não treinar com música da seguinte forma: isso vai depender muito do atleta e da modalidade do exercício físico que for praticado.

De maneira geral, treinar com música pode trazer seus benefícios para um determinado atleta, e não necessariamente surtir o efeito desejado em outro.

Isso acontece porque cada pessoa tem um nível de concentração diferente, sendo em alguns casos necessário usar todos os recursos para manter o foco no treino e, em outros casos, não fazendo diferença se a pessoa ficará ouvindo música ou batendo papo enquanto levanta pesos ou pratica outros exercícios.

Mas, para não ser imparcial, vamos dar argumentos para que os que gostem e os que não gostem de treinar com música possam sustentar seus próprios gostos. Vamos lá.

treinar com música melhora o desenpenho ou não

Treinar com música costuma melhorar o desempenho de corredores.

Por que treinar com música?

O primeiro fator que pode ajudar a melhorar o desempenho enquanto você treinar com música é o fator emocional. Ao ouvir aquela música que tem um significado ou que faz o coração bater mais forte, você sentirá mais energia para realizar a sequência feita, puxando lá do fundo aquela energia para superar um desafio. Não por menos, aulas de grande desgaste físico como spinning, tae bo e jump são sempre acompanhadas de música alta e muitos gritos de incentivo do instrutor.

Além disso, estudos demonstram que um atleta consegue melhorar o seu desempenho enquanto escuta músicas do seu gosto – tanto, que corredores conseguiram melhorar em 19% os seus resultados em um teste que envolvia correr até a exaustão com e sem música. O efeito é tão impressionante que, em alguns esportes, a música já é até considerada dopping.

Considere ler também:

Por que não treinar com música?

Por outro lado, se a atividade física que você pratica envolve muita concentração para conseguir se superar, o ideal é não utilizar músicas. Além disso, ao colocar o fone de ouvidos, você se isola dos seus colegas de treino, que podem influenciar positivamente seu treino, inclusive ajudando a conseguir resultados melhores com palavras de incentivo, ou mesmo ao você tentar superar marcas que eles fizeram.

E você, caro leitor, é um dos adeptos ou prefere evitar treinar com música por não gostar ou por achar que não ajuda em nada? Divida sua experiência conosco.

mais dicas de saúde...